ROUPA PARA ANIMAIS NÃO VIRAREM ROUPA

Como mostrar apoio a uma causa de um jeito inteligente, sem tirar o foco da marca?

A Ogilvy de Joanesburgo criou um projeto de ativação interessante para alertar sobre a causa Fur-freedo PETA, utilizando a marca de jóias

O problema era o seguinte: chamar a atenção para o fato de que todos os dias, cerca de 5.400 cães e gatos são mortos por suas peles. Eles são especialmente criados para esse fim, e sua pele usada em luvas, chapéus, casacos e sapatos. Só que, em muitos casos, para vender mais, os fabricantes fingem que produzem peles falsas para que a demanda do mercado permaneça constante e não haja rejeição por parte das lojas e consumidores.

Para isso, roupinhas de cachorros foram distribuídas para celebridades donas de pets. As roupas destacavam a verdade pos trás das “peles artificiais” através de uma área vazada no tecido. Ao lado a seguinte mensagem: “Mais de 5000 animais foram mortos para fazer peles artificiais hoje”.

Além disso, uma etiqueta dentro da roupa convidava o dono do cãozinho a fazer parte da campanha através da compra de uma colher (edição limitada) elaborada pela marca de jóias Jenna Clifford. O valor arrecadado seria encaminhado para a causa Fur-free.

Uma forma de tocar no coração de um dono de animais que pode estar consumindo pele de outros animais sem saber.

Anúncios

3 thoughts on “ROUPA PARA ANIMAIS NÃO VIRAREM ROUPA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s