GESAFFELSTEIN – PSICODÉLICO E CRÍTICO

gesaffelstein-650x419

Alguns dias atrás, um colega postou um clipe de música eletrônica no facebook, no primeiro momento achei esquisito, mas como sou curioso acabei assistindo ele todo. Com um pouco de calma pude ver o quanto míseros três minutos e meio podem expressar tanta coisa. Vou comentar aqui um pouco do que enxerguei vendo esse clipe:

Antes de tudo devemos começar pelo nome do Deejay “Gesaffelstein”, o qual é bem expressivo e têm dois elementos nazistas implícitos, especificamente na primeira parte  “Gesaf” , que tem relação ao contexto da Segunda Guerra Mundial, período em que surgiu o chamado Gestalt,  uma psicologia alemã baseada a um processo de dar forma as coisas, de configurar o que se vê. Resumidamente, uma única forma que muitas vezes se encontra oculta dentro de si (é eu sei Hitler tinha umas piras estranhas), mas que o líder nazista soube trazer a tona. Dessa forma não podemos negar que isso nos ajudou muito até os dias atuais e até mesmo na arte, prendendo a atenção e pelo fato de todo indivíduo ser percepções e sensações quando lhe é estimulado algo. Um exemplo disso é o Cubo de Necker e o Vaso de Rubin:

Multistability.svg

Agora pulando para a segunda parte do nome “felstein”. Dizem que Hitler durante a guerra, criou uma divisão para estudar o ocultismo e a forma que o corpo humano funcionava, para poder desenvolver mecanismos de cura melhores para seus soldados e de destruição para os inimigos. O local escolhido para esses estudos foi o castelo Wolfeinstein. Você agora se pergunta “isso ai não é um jogo?”. Sim, o game foi baseado nessa história que ninguém sabe ao certo se aconteceu mesmo, mas muitos livros e testemunhas dizem que realmente existiram. Uma das grandes provas foram os avanços da medicina que ocorreram por conta dos nazistas, infelizmente, nessa questão tenho que  dizer que eles foram uteis. Podemos refletir agora sobre o nome do “cidadão”, que parece ser um grande apreciador da era nazista.

wolfenstein-02

A música chamada de “Pursuit” que traduzida para o português significa “perseguido”, pode ser também um modo que ele achou de mostrar a perseguição que os judeus sofreram ou levar para o lado afirmativo da palavra como “perseguir”.

Vamos fazer um teste? Tente assistir esse clipe em seu quarto com as luzes bem apagadas, sozinho e com o som em nível médio, qual é a sensação? Usando sons de correntes e batidas fortes você sente suas mandíbulas se comprimirem, e um certo pânico misturado com medo invade sua cabeça, é a típica atmosfera que Gesaffelstein cria.  Junto com isso, ele começa o visual com duas crianças sorrindo, tipicamente vestidas e explicitamente de raça ariana, sendo elas uma menina e menino dando também a conotação da procriação da raça. Dê uma pesquisada no Google sobre isso e vão ver que tudo que eu disse até agora vai fazer muito sentido.

Observe que o garoto se distancia, e de repente o cenário muda para um castelo onde um jovem mostra uma luz em sua mão (poder recebido) e logo após, está sendo nomeado a príncipe. Lembre-se que antes de ser um ditador Hitlher foi nomeado chanceler e com isso conseguiu alcançar a ditadura.

Existe uma cena que não tive uma compreensão clara, porém o que pude observar é que  nesse mesmo, cientistas empurrando PCs e entram em um grande servidor, mostrando a evolução que as comunicações tiveram durante a guerra. Neste instante lembrei de  um documentário no Discovery Channel, em que os nazistas por conta do desenvolvimento de formas mais eficazes de comunicar-se com a infantaria, conseguiram eliminar milhares de soldados americanos.

Em seguida, outra cena mostra vários personagens e mais uma vez o “ariano” aparece, e repare, sua mão é de aço. Será que não tem a conotação de “Comandar com punhos de aço?”

Bom, daí pra frente tem várias cenas mostrando ditadura e poder  e seus detalhes sórdido que não preciso mencionar, pois creio que todos tem uma ideia de como era.

Em minutos as coisas começam a mudar de direção, o câmera adora uma técnica diferente, usando uma única tomada ele vai afastando do assunto e mostrando os outros elementos que estão escondidos na cena. Semelhante à técnica usada nesse comercial da MTV só que inversa:

Eis que, aparece um “bumbum” feminino, e a câmera vai afastando e mostrando que havia por traz de tudo, observe que a cena mostra exatamente o machismo onde o pensamento é a mulher que nasce para seduzir, ilude para obter luxo e depois faz de tudo para destruir sua vida. Até aqui percebo que o produtor desse clipe ou estava muito revoltado com tudo ou queria mostrar mesmo o lado negativos das coisas.

Continuando, aparece um jato e um homem vangloriando o artefato. Conotação de orgulho e obsessão pelo poder.

Em seguida acontece um corte e pulamos para uma festa, mas então percebe-se que os jovens estão trancados dentro de uma caixa e estão sendo observados, voltamos novamente a Gestalt e acrescentamos uma pitada de Behaviorismo. Após o cientista olhar para traz aparecem alguns fuzis apontados para todos os lados, isso ao meu ver cria a intenção de que o estudo está sendo feito para atacar um alvo com maior precisão e não “apontar para todos os lados”.

Após todo esse ocorrido a cena volta à escuridão e mostra um corpo deitado em uma mesa coberto por um pano. Acredito que seja um meio de simbolizar a morte de Jesus, pois, a cena a seguir mostra um altar onde um rapaz olha para um espelho do qual não existe seu reflexo. Essa eu juro que não entendi, se alguém souber comente o post que eu acrescento posteriormente.

Lembra-se da Suástica? No momento em que o clipe mostra o rosto de um cara sério e vai aparecendo vários clones dele. Reparem nas posições e nos braços esquerdos sempre apontados para frente e em sentido horário. É o significado da Suástica para o Nazismo e também seria possível uma forma de acusação, onde cada um aponta para o outro, dando sentido de punição.

suastica

Finalizando o clipe, é mostrado um imperador morto em seu trono por sua glória e obsessão, no caso Führerbunker, vulgo Hitler.

Agora vamos voltar um pouco e refletir bem. Reparou que todo o clipe é a perfeita linha do tempo do nazismo?

Espero que tenham gostado do post. Informo que todo o conteúdo textual deste post é formado pelo meu ponto de vista. Muito obrigado!

Advertisements

3 thoughts on “GESAFFELSTEIN – PSICODÉLICO E CRÍTICO

  1. Interessante suas analogias. O espelho sem reflexo significa que tudo é efêmero e não levamos nada de material para o outro lado da vida. Mas digamos que o artista faz uma crítica a democracia social que tem como base o poder Nazista, a Glória em detrimento ao Horror. Digamos que o nazismo não falhou uma vez que sua filosofia encontra-se nas bases do capitalismo neo-liberal através da Psicanálise que foi onde tudo começou (http://ciclotrons.blogspot.com.br/2013/10/o-seculo-do-ego.html). Esse documentário expõe a teoria psicanalítica como o grande mote das grandes guerras e depois a criação de uma sociedade do desejo baseada no consumo… É como se estivessem o tempo todo, através das propagandas, estimulando em nós a ambição pela Glória das conquistas materiais onde os fins não justificam os meios. Para ter dinheiro e poder temos que usar das mesmas armas do Déspota para conquistar e destruir. Foi muito bem usada essa música na propaganda da Johnny Walking “Daqui a Cinco Anos”. Depois que vi o clip dessa música percebi que a propaganda também foi idealizada a partir dele. “Daqui a 5 anos você vai conquistar tudo que sonho.”. Num mundo onde só existe a “irracionalidade de grupo” movimentando a economia será preciso utilizá-la, manipulá-la para poder conquistar seus sonhos.

  2. Após a cena das crianças arianas vem uma cena parecida com o rito maçônico escocês, onde o iniciado recebe a espada no ombro, aí vem o controverso, existem pessoas do sexo feminino na cena !

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s