PhotoContest 2010

Como sempre os canais pagos vem dando um show nos abertos, e um dos canais dos quais assisto muito e acompanho os eventos é o National Geographic que está lançando um concurso “porreta”. A National lançou um concurso fotográfico onde os profissionais e iniciantes na área de fotografia vão poder colocar suas diferênças de lado e ver quem tem “olho pra coisa”. Pelas fotos já postadas no site da pra ver que a disputa vai ser acirrada é uma foto melhor do que a outra. Para participar é só entrar no link no final deste post e se cadastrar, ai só preparar as lentes e começar a clicar. Segue abaixo algumas das fotos das quais eu mais gostei:

Fonte: The National Geographic

Anúncios

O MUNDO DA IMAGINAÇÃO

Durante a apresentação do YouTube Play fiquei deslumbrado com um dos videos mostrados. Criado pelo denominado “POGO” o video me chamou a atenção pela sincronia, musica e fotografia. Então corri para o YouTube e acabei vendo todos os videos de seu Canal e de tão emocionante que minha experiência tenha sido, gostaria de compartilha-la com vocês.

Continuar a ler

Como fazer um blog de sucesso!

1. Um bom blog demanda tempo

É importante que você saiba que criar e manter um bom blog é uma coisa que demanda relativamente bastante tempo. São análises de estatísticas, criação de layout, pesquisas de dados multimídia, e claro, todo o processo de escrever os posts, que nem sempre é algo rápido. Antes de fazer um blog é importante que você organize seu tempo de forma que consiga dispor de pelo menos uma hora por dia para ele. É interessante (e necessário) ter uma certa freqüência de postagem, um post por dia já é uma ótima média, mas é BEM difícil de ter tempo suficiente para escrever posts todos os dias. O importante é que você escreva textos de qualidade, mas com certa freqüência, quanto mais próximos forem os posts, melhor.

2. Qualidade

Como já disse, qualidade é algo fundamental para uma boa colocação na web. Não adiante você encher seu blog de textos se nenhum deles é bom. Qualidade é algo que é bem precário na internet, embora haja milhões e milhões de blogs e sites na rede, a quantidade deles que realmente tem conteúdo é bem baixo. Outro fator importante aqui é realizar pesquisas sobre o que você vai escrever. Por exemplo, se você escrever sobre design, vai se deparar com uma área extremamente abrangente e com um extenso conteúdo a ser explorado. O problema é que toda essa abrangência abre um leque de conteúdos que poucas pessoas dominam por completo, e chegará uma hora que você se verá frente a um assunto que não domina. Estudar e aprender com situações vividas são coisas que todo blogueiro precisa gostar para se dar bem na web.

3. Diferencial

Não basta a qualidade, é preciso que você tenha algo diferente dos demais blogs que falam da sua área. Um diferencial que não deixe seu blog ser apenas mais um entre os demais. Vejamos novamente um exemplo baseado no design: quantos blogs de design você já viu que mostram apenas artigos de inspiração? Certamente sua resposta é dezenas, ou até mesmo centenas. Não estou dizendo que estes blogs não prestam, muito pelo contrário, quem trabalha com design sabe que inspiração é algo fundamental, mas o problema é que existem centenas de blogs que oferecem isso, e se destacar fornecendo esse tipo de conteúdo é difícil.

E como ter um diferencial? Bem, formula mágica não existe. Pesquise os outros blogs que falam sobre o assunto que você vai abordar e analise o que falta a eles e forneça isso aos seus visitantes, isso pode ser o limiar entre o sucesso ou fracasso de seu blog.

4. Use todos os recursos disponíveis

É muito legal você entrar em um blog e perceber que o autor se esforça para usar recursos multimídia como imagens e vídeos para interagir de forma diferente com os visitantes. Isso é uma coisa que poucos blogueiros usam com eficiência, e se você aprender a usá-los, pode ter certeza que terá bons resultados.

Saber usar de forma correta imagens, vídeos, podcasts, etc é algo que é exigido cada vez mais pelos internautas, e se você não aprender a usá-los, perderá visitantes para seus concorrentes. Como disse anteriormente, blogar exige tempo e estudo, muito estudo.

5. Ter um design único

A primeira imagem é a que fica. E na web isso não é diferente, quando o visitante entrar no seu blog, o que pode definir a permanência dele no seu blog é o layout usado.

No entanto, criar um layout não é algo fácil, e se você não sabe fazer algo bom, contrate alguém que saiba. Há vários web designers no mercado que tem um serviço de qualidade, basta você dar uma pesquisada no Google e achará vários profissionais. Depois basta entrar em contato com eles e analisar seus serviços.

Não esqueça, porém, que o layout não se resume a uma coisa bonita, precisa ser algo intuitivo, que ofereça aos seus visitantes aquilo que eles buscam de forma fácil e rápida. Não esqueça, SEUS VISITANTES NÃO TEM TEMPO PARA PERDER, então quanto mais rápido eles acharem aquilo que procuram, melhor.

6. Dê importância ao SEO

SEO (Search Engine Optimization) é uma coisa cada vez mais importante na web. Ficar bem colocado em motores de busca (principalmente no Google) é uma coisa que pode render ao seu blog várias visitas extras e uma boa divulgação.

Novamente, é preciso estudar bastante para administrar o SEO de seu blog, afinal, SEO é um conjunto de várias ferramentas e medidas adotadas no blog, desde os posts até o código do layout.

7. Analise estatísticas

Como saber o que seus usuários querem? Como saber o que mais agrada a eles? Como conhecer a potencia dos computadores e da internet que eles usam para navegar na web e em seu blog? Analise as estatísticas de seu blog.

Se você usa o WordPress.com (por favor, compre um domínio, custa pouquíssimo e tem várias vantagens) não pode ter acesso ao código fonte do blog, e por isso não pode usar serviços de terceiro, como o Google Analytics, mas o wordpress.com oferece um plugin que fornece informações básicas, se ainda usa o wp.com mantenha-se sempre atento ao que seus usuários buscam no blog, de onde vêem e para onde vão.

Mas com toda a certeza, a melhor ferramenta para analisar estatísticas de seu blog é o Google Analytics, com ele você tem acesso a tudo o que os usuários fazem no seu blog: o tempo que ficaram nele, taxa de rejeição, versão do Flash utilizada, Java, e muitas outras coisas. Sua instalação é facílima e os dados são fornecidos de forma muito bem organizada e através de gráficos, de forma que qualquer pessoa consegue analisar os dados.

8. Interaja com seus usuários

Uma coisa que poucos blogueiros fazem é interagir com seus usuários, pois uma boa interação vai muito além de postar aquilo que os visitantes pedem. Interagir é responder comentários, perguntar o que seus visitantes acham, questioná-los, e claro, escrever aquilo que eles querem e precisam saber.

É claro que quando o blog vai ficando maior pode ser um pouco complicado responder todos os comentários, interagir de forma eficiente com os visitantes vai ficando difícil, mas não esqueça que você tem grandes aliadas, disponíveis gratuitamente e que ainda ajudam você na divulgação, as queridas e tão usadas redes sociais. Atualmente há dezenas de redes sociais, Facebook, MySpace, Orkut, etc, mas um serviço que se torna cada vez mais popular e mais eficiente é o Twitter.

Com o Twitter é possível ter uma interação rápida e muito eficiente com seus leitores, além de ter em suas mãos uma ferramenta de marketing e divulgação super eficiente. Com apenas 140 caracteres é possível contar histórias, falar como foi seu dia, perguntar aos seus followers como foi o dia deles, trocar idéias, dar dicas, e muitas outras coisas consumindo um tempo muito menor do que o necessário para responder e-mails por exemplo.

Dica: há serviços online e gratuitos que permitem que você gerencie múltiplas contas de forma ainda mais pratica e rápida. Eu uso e recomendo o HootSuite.

9. Interaja com outros blogs

Na web, independente da área que você estiver falando, sempre haverá uma grande maioria de blogs de conteúdo supérfluo e uma minoria de conteúdo de qualidade com grande destaque na blogosfera. Esses blogs importantes são capazes de transformar você em um blogueiro conhecido, ou podem deixar você com uma fama horrível.

No entanto, blogueiros não são monstros e em geral gostam de fazer amizades e parcerias (porque não são burros e sabem como isso é importante). Escreva conteúdo de qualidade, e quando perceber que seu blog merece ser recomendado entre em contato com outros blogs e proponha parcerias, que como já mencionei, são essenciais.

10. Ofereça todos os serviços disponíveis

Há vários serviços que favorecem seu blog a conquistar mais leitores, os mais utilizados são serviços de assinatura de feed e newsletter. Esses serviços são importantes porque poupam o tempo do leitor de ir até seu blog para conferir se há atualizações, eles levam os posts direto até o leitor.

Para que os leitores se interessem pelos serviços, de aos assinantes algo a mais, forneça a eles algo que os demais leitores não têm acesso. O exercito do design, serviço de newsletter aqui do Design.Blog, por exemplo, sempre faz sorteios entre os assinantes; isso gera um maior interesse pelo serviço. Lembrando: não basta oferecer um serviço, é preciso criar métodos que tornem o serviço desejado pelos leitores.

Fonte: Design.Blog

Parabéns Nintendinho!!!

O NES (Nintendo Intertainment System) foi um dos consoles mais consagrados da Nintendo, sendo também conhecido como Nintendinho ou Nintendo 8 – bits. Durante o “crash de 1983” no mercado de games, o NES “reviveu” a empresa, fazendo com que ela retomasse sua posição na sociedade. Tudo isso foi possível graças ao Game Designer, atual Diretor/Produtor dos jogos da Nintendo, Shigeru Miyamoto, em 1985 a Nintendo começa a explorar o mercado norte-americano, os varejistas tinham suas duvidas com o console que a Nintendo teve que se comprometer a recomprar os consoles que não fossem vendidos nas lojas, reformular o design para adequar-se ao gosto americano e junto com um robô chamado R.O.B (Robotic Operating Buddy), mais este acabou tendo dois jogos para o acessório. O NES foi lançado a primeira vez, no Japão, no dia 15 de julho de 1983, chegando ao ocidente a partir de 1985.

Lançado oficialmente em 18 de outubro de 1985, tendo vendido cerca de 60 milhões de consoles. Ao longo da história da empresa, é a plataforma mais vendida no mercado, ficando atrás apenas do Nintendo DS e do Nintendo Wii.

Detentor de títulos renomados como Duck Hunt,o então icônico The Legend of Zelda, Kid Icarus, Metroid e seu carro chefe Super Mario Bros. incluindo a cooperação das produtoras Capcom, Konami e Square (atualmente Square Enix), iniciando séries como Megaman, Castlevania, Final Fantasy, entre outros jogos, o console trouxe uma enorme inovação para época, com jogos em plataforma 2D gráficos bem elaborados para a época e uma nova jogabilidade.

Com jogos cativantes e grandes clássicos que até hoje são relembrados por fãs da geração nesses 25 anos, caçando patos em Duck Hunt, ajudamos um encanador barrigudo a resgatar uma princesa em Super Mário Bros. ,entre muitos outros jogos que evoluíram e acompanharam essa trajetória da Nintendo!

Fonte: RádioBlast!